segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Celebração de Natal da Pastoral da Mulher de Juazeiro





"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele." (João 3:16-17)


O natal tem um grande significado para todos os cristãos. A data, que representa o nascimento de Jesus Cristo, é a prova do amor de Deus por seus filhos; época de renovação da fé e de confraternização.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

10 de dezembro | Dia Internacional dos Direitos Humanos

A data foi instituída em 1950, dois anos após a Organização das Nações Unidas (ONU) adotar a Declaração Universal do Direitos Humanos. / Reprodução

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Pastoral da Mulher fala em programa de rádio sobre a luta contra a AIDS e os 16 Dias de Ativismo

No último domingo, dia 05 de Dezembro, a Pastoral da Mulher usou o seu espaço no tradicional programa de rádio, A Voz do velho Chico, para abordar temas bastante importantes: 1º de Dezembro, Dia internacional de luta contra a AIDS e os 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a Mulher

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Em dia mundial, ONU pede compromisso renovado com combate à AIDS


No Dia Mundial de Luta contra a Aids, ONU pediu “espírito intransigente” para colocar fim à epidemia até 2030. Foto: ONUNo Dia Mundial de Luta contra a AIDS, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu renovado compromisso global para o combate à doença, assim como um “espírito intransigente” para colocar fim à epidemia até 2030.
“Desde a emergência da AIDS, há 35 anos, a comunidade internacional pode olhar para trás com algum orgulho, mas ainda é preciso mirar adiante com determinação e comprometimento para alcançar nosso objetivo de acabar com a epidemia até 2030”, disse Ban em comunicado para a data.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

25 de novembro, Dia Internacional De Não Violência Contra a Mulher



A violência contra a mulher:

“A violência contra as mulheres é mais presente do que se imagina, aqui e em qualquer parte do planeta, não conhece barreiras geográficas, econômicas e sociais, e acontece cotidianamente.”
Jacira Melo, mestre em Ciências da Comunicação e diretora executiva do Instituto Patrícia Galvão.



A violência contra a mulher é uma mazela social que atinge o mundo inteiro e se configura como umas das piores formas de violação dos direitos humanos.  Com raízes fincadas na desigualdade construída historicamente nas relações de gênero, mulheres são vítimas cotidianamente de uma sociedade que não venceu o patriarcalismo e insiste em segregar papeis, pregando a submissão e inferiorizarão do sexo feminino e alimentando a cultura do desrespeito e do abuso.  

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

16 Dias de Ativismo: Uma mobilização mundial pelo fim da violência de gênero

Logo Campanha 16 Dias de Ativismo



A Campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres é uma mobilização anual, praticada simultaneamente por diversos atores da sociedade civil e poder público engajados nesse enfrentamento. Desde sua primeira edição, em 1991, já conquistou a adesão de cerca de 160 países. Mundialmente, a Campanha se inicia em 25 de novembro, Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, e vai até 10 de dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos, passando pelo 6 de dezembro, que é o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.
No Brasil, além dos movimentos de mulheres, a Campanha dos 16 Dias de Ativismo recebe adesões institucionais, como da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, da Procuradoria da Mulher no Senado, da Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados, do Ministério da Justiça, do Ministério da Saúde, dos Juizados e dos Núcleos do Ministério Público e da Defensoria especializados na aplicação da Lei Maria da Penha nos Estados, movimentos sociais, entre outros.
Nesse período, várias datas específicas fazem parte do calendário, entre eles 25 de novembro, Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher, 1º de dezembro, Dia Mundial da Aids, e 6 de dezembro, Campanha do Laço Branco.
Resultado de imagem para 16 dias de ativismo 2016




segunda-feira, 21 de novembro de 2016

OFICINA DE HABILIDADES ENCERRA ATIVIDADES COM BOM APROVEITAMENTO DAS MULHERES

Desde o mês de agosto, mulheres atendidas pela Unidade Oblata de Juazeiro vêm participando de oficina de habilidades na área de cabeleireiro. A atividade dividiu-se em 3 módulos onde foram trabalhados: corte e escova, colorimetria e aplicação de químicas. 


As mulheres tem demonstrado muita satisfação por perceberem os avanços que alcançaram, mesmo com aquelas que já tinham passado por outros cursos na área e até experiências de trabalho, mas apresentavam medo em exercer a atividade.
“Estou muito feliz porque eu nem sabia pegar no secador.” (Érica Taís).
“Me sinto mais segura em escovar porque antes só pranchava.” (Daiane)
“Estou em busca de realizar o meu sonho: ser cabeleireira.” (Priscila).
Estas e outras falas foram trazidas pelas mulheres que conseguiram superar medos e limitações através de ações externas onde a oficina também foi realizada. Foram 3 momentos em parceria com instituições parceiras como o CRAS dos bairros Itaberaba e Malhada da Areia. As mulheres fizeram ações de corte e escova com as crianças e adolescentes atendidas pelas instituições.


Por último, foi trabalhado durante todo o mês de outubro as técnicas de colorimetria e aplicação de químicas com escova gradativa. Neste módulo, elas foram as próprias modelos que se dividiram nas segundas feiras para receber os serviços desejados e também fazer as aplicações, fortalecendo deste modo o aprendizado e o trabalho em grupo. 

Lavagem no Pelourinho marca o Dia da Consciência Negra

O Centro Histórico recebeu, pela oitava vez, a Lavagem da Estátua de ZumbiO Centro Histórico recebeu, pela oitava vez, a Lavagem da Estátua de Zumbi
Foto: Romildo de Jesus
O dia amanheceu com um tempo inadequado para celebrações, mas, para levantar voz de luta contra as opressões, reivindicar a igualdade racial, e a defesa da população negra, não há chuva capaz de barrar o grito de resistência, principalmente na capital com o maior percentual de afro-descendentes do País. Este foi o espírito das comemorações do Dia Nacional da Consciência Negra que tomou as ruas de Salvador no ontem (20).

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Combate à cultura do assédio: por que devemos registrar a “cantada” de rua na delegacia


“Lute por seus direitos”, diz ilustração da artista Debi Hasky
Certa noite, Fernanda* chegou em casa e foi assediada no elevador do próprio prédio onde mora. “Gostosa, quanto é o programa?”, falou no seu ouvido um homem desconhecido se aproximando muito além do que ela gostaria. Ela reagiu com raiva e xingou o homem, que fugiu. Só que a portaria exige que todas as pessoas que entram no prédio deixem seus dados em um caderno. Fernanda, que é formada em Direito, recolheu os dados e foi até a delegacia mais próxima, a três quadras de onde mora. No caminho, passou por mais um assédio: três homens que cruzaram seu caminho tentaram se aproximar dela falando de sua aparência. Ao chegar na delegacia, um policial lhe atendeu de má vontade e registrou errado seu boletim de ocorrência, classificando o crime de injúria, como se ela tivesse se ofendido por ser confundida com uma prostituta, o que não foi o caso.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

As conquistas do povo negro e a valorização de sua identidade



Como toda data específica para comemoração e análise de uma temática social, o Dia da Consciência Negra tem a sua relevância para revelar ao sistema toda a luta do povo negro para garantir seu espaço na sociedade. O dia faz menção à morte de Zumbi dos Palmares, que morreu em luta pela liberdade do povo negro. O espaço para este povo já foi negado há muito tempo, sendo que a abolição da escravatura não foi suficiente para esta conquista libertária. Todos os avanços relacionados com a posição do povo negro, dentro ou não de forças políticas, foram resultados de seu próprio trabalho e mobilizações.

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

VII Encontro de Mulheres, "Tecendo Histórias, Construindo Caminhos"


No dia 28/10, a Pastoral da Mulher promoveu o VII Encontro de Mulheres, "Tecendo Histórias, Construindo Caminhos", na chácara Hebert, em Juazeiro/BA. A atividade que tem o objetivo de culminar as ações desenvolvidas durante o ano no Projeto de Afirmação de Direitos e realizar uma maior integração do grupo, contou com a participação de 9 mulheres de abordagem, acolhida e comunidade.

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Brasil é o pior país da América do Sul para ser menina.


Ocupamos a quarta posição com o maior número de meninas, com até 15 anos, casadas, de acordo com a pesquisa.

O Brasil está atrás de países com histórico de abusos contra mulheres como Irã, Sudão, Iraque, Índia e Síria (foto: Kleber Sales / CB / D.A Press)O Brasil é o pior país da América do Sul para ser menina, de acordo com relatório divulgado pela ONG Save the Children, dos Estados Unidos. Entre 144 países avaliados, o Brasil aparece na 102ª posição, à frente apenas de Guatemala e Honduras, no continente americano. Os indicadores avaliados são o casamento infantil, gravidez na adolescência, mortalidade materna, representatividade de mulheres no parlamento e conclusão do ensino médio.

terça-feira, 1 de novembro de 2016

Pastoral da Mulher participa da 6ª Caminhada do Outubro Rosa em Juazeiro





A Pastoral da Mulher, unidade Oblata de Juazeiro/BA, participou da 6ª Caminhada do Outubro Rosa, realizada no dia 22 de outubro, levando para a avenida oito mulheres assistidas. É notável que a cada ano está aumentando a adesão a este movimento mundial que visa chamar a atenção da sociedade para a realidade atual do câncer de mama e a importância do diagnóstico precoce. Assim, as instituições se reúnem com o intuito de motivar e fortalecer as ações de combate o câncer entre as mulheres.

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

UNIDADE OBLATA DE JUAZEIRO APRESENTA SEU TRABALHO EM SEMINÁRIO EM SALVADOR


No dia 21 de outubro a equipe do Projeto Força Feminina – Unidade Oblata em Salvador promoveu um seminário no Centro Cultural da Câmara de Salvador a fim de refletir sobre: A importância da rede de articulação sociassistenciais para o enfrentamento à violação de direitos das mulheres.






A educadora social Railane Delmondes esteve presente refletindo como vem se dando o processo de articulação na Unidade Oblata de Juazeiro (Pastoral da Mulher), juntamente com a educadora Social Lucinete, do Projeto Diálogos de Liberdade de Belo Horizonte e Alessandra, coordenadora do Projeto Força Feminina em Salvador, elas explanaram sobre a realidade da prostituição e o trabalho em rede.

 

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Em Brasília, políticos usam dinheiro público para pagar prostitutas de luxo


Para ficar 30 dias com garotas de programa, em hotéis cinco estrelas de Brasília, políticos de vários estados e do Distrito Federal chegam a pagar até 40 mil reais pelas noites de prazeres. A grana é do erário.
  
Camila. 25 anos, gaúcha de um metro e 79 de altura e de corpo escultural trocou a vida atribulada de modelo pela vida fácil de prostituta de luxo que chega a faturar até 40 mil reais por mês.

Como se proteger da epidemia de sífilis no Brasil?

Representação de bactériaEntre junho de 2010 e 2016 foram notificados quase 230 mil casos novos de sífilis no Brasil.                
 
O Ministério da Saúde admitiu nesta semana que o Brasil enfrenta uma epidemia de sífilis. Entre junho de 2010 e 2016 foram notificados quase 230 mil casos novos da doença, de acordo com o último boletim epidemiológico do governo.
Três em cada cinco ocorrências (62,1%) estavam no Sudeste e a transmissão de gestantes para bebês é atualmente o principal problema.

Brasil está vivendo uma epidemia de sífilis

Segundo o Ministério da Saúde, número de bebês infectados aumentou 170% de 2010 a 2015

                   
Pixabay
Dados alarmantes do Ministério da Saúde: casos de sífilis em gestantes no Brasil aumentou 202% em cinco anos (foto: Pixabay)

 

Informação oficial do Ministério da Saúde revela que o Brasil enfrenta uma epidemia de sífilis, com uma alta significativa de casos confirmados em todo o país. A doença é causada por uma bactéria (Treponema pallidum) e pode ser transmitida pelo sangue, por relações sexuais e da mãe para o bebê (na gravidez, no parto ou na amamentação). Segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros, o governo está mobilizando profissionais para deter o avanço da doença por meio de medidas emergenciais, como a ampliação do acesso aos testes rápidos de sífilis.

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Sancionada lei que facilita repressão ao tráfico de pessoas


Pela nova lei, o Dia Nacional de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas será lembrado, anualmente, em 30 de julho.
 
A nova lei também cria regras para adoção internacional, disciplina o trabalho por adolescentes, inclusive nos meios artístico e esportivo, e simplifica o acesso da polícia e do Ministério Público a dados de telefonia e internet para fins de investigação.

Como Espanha está a tornar-se um popular destino de turismo sexual

Ausência de legislação tornou país num dos destinos favoritos de quem quer pagar por sexo
 
O Governo espanhol admite que existam cerca de 45 mil mulheres a trabalhar como prostitutas no país. Porém, vários responsáveis ouvidos pelo El Mundo consideram que o número pode ser muito maior: segundo o próprio Instituto Nacional de Estatística de Espanha, a prostituição representa 0,35% do PIB espanhol, gerando cerca de cinco milhões de euros por dia.

Cantinho da Beleza enfeita as tardes da Pastoral

A  Pastoral da Mulher, Unidade Oblata em Juazeiro Bahia, desde o mês de fevereiro de 2016 vem oferecendo serviços de beleza as mulheres atendidas: design de sobrancelhas, hidratação, escova de cabelos, entre outros. Com objetivo de promover espaços para a melhoria da auto estima e também favorecer o debate sobre temáticas voltadas ao universo feminino.

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

O racismo, o vitimismo e o entendimento da raça


O que temos passado à nossos filhos hoje?
 
Quando algo nos é mostrado e nos sentimos no dever de opinar sobre uma conduta, como nos dirigir a ela?

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Contra o feminicídio, mulheres tomam as ruas na América Latina


"Entre guarda-chuvas e silêncio", escreveu o jornal Clarín, sobre o protesto que reuniu milhares de mulheres.As manifestações foram motivadas por um dos feminicídios mais brutais já registrados na Argentina. Lucía Pérez morreu, aos 16 anos, em um caso que foi classificado pela juíza responsável pelas investigações como "uma aberração desumana".

Ação nacional de combate à sífilis


Neste ano, a campanha de combate à sífilis terá como foco as gestantes jovens e seus parceiros sensibilizando-os para a realização do teste de sífilis no início da gestação e, também incentivando o parceiro a fazer o teste, evitando a reinfeção. A campanha inclui peças gráficas (cartaz e folheto); filme publicitário e um minidocumentário – Gestação Segura, Criança Saudável – a serem veiculados nas redes sociais até 30 de outubro.

Pare de reclamar e vá trabalhar”: a PEC 241 e a assistência social


Por  Cesar Locatelli Do Jornalistas Livres
 
Temos ouvido com frequência a frase título, bem como, “os vagabundos vão ter que trabalhar, porque a moleza acabou”. Certamente, quem as repete é favorável à PEC 241 e sabe as respostas às seguintes questões:
 

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Mercado do sexo avança próximo ao Samu de Juazeiro

Existem várias áreas de prostituição em Juazeiro (BA). Uma delas já vem se tornando notória na cidade: fica na BR-235, nos fundos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), próximo a um conhecido motel, no bairro Jardim São Paulo.

A arte pulsa na rua Guaicurus: Museu do sexo em BH

 
Espaço difuso é inaugurado com mostra de trabalhos de artistas após imersão em hotel que abriga profissionais do sexo.
Uma série de trabalhos de diferentes linguagens e formatos – vídeo, performance, fotografia, grafite, rádio-novela, lambe-lambes, entre outros – que estão sendo exibidos até a próxima quarta-feira marca o lançamento oficial do Museu do Sexo das Putas, uma iniciativa da Associação de Prostitutas de Minas Gerais (Aprosmig) contemplada com recursos do 12º Programa Funarte de Artes Visuais.

Encontro de Formação da CPT Centro-Norte/BA e Parceiros - Tema: “Trabalho de Base”.



Nos dias 05 e 06 de outubro, a equipe da pastoral da mulher representada por: Fernanda Lins (coordenadora), Anna Lícia Brito (Assistente Social) e Maria das neves (Auxiliar de Educadora Social), participaram de um encontro de formação da CPT (Comissão pastoral da Terra) de Juazeiro; com o tema: “Trabalho de Base”.

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Outubro Rosa: Em nove anos 470 casos de Câncer de Mama foram diagnosticados em Juazeiro e região

 
Carmem Mendes hoje aos 46 anos é uma mulher de fibra. A sua coragem para lutar pela vida floresceu aos 43 anos quando descobriu que tinha câncer de mama. O primeiro diagnóstico da doença aconteceu ao fazer o autoexame em casa durante o banho. O resultado foi comprovado após uma biópsia.
 
Durante um ano e meio, Carmem teve que passar por alguns momentos dolorosos. Para tratar do câncer ela precisou fazer quimioterapia e a radioterapia. “Só a gente que passa sabe que é muito doloroso. Tem que ter muita fé e força. A gente precisa de muito amor, carinho, atenção. O dia-a-dia de hoje é lutando pela nossa vida. Essa doença mudou muito minha vida”, afirmou Carmem.

terça-feira, 4 de outubro de 2016

Pesquisa em Harvard revela que não são os filhos que atrapalham a carreira das mulheres, mas os maridos

 
Mesmo que o tempo dedicado aos filhos e afazeres domésticos sejam obstáculos para a ascensão das mulheres em suas carreiras profissionais, são os maridos, parceiros ou cônjuges, os maiores responsáveis por frear o crescimento. É o que destaca um estudo realizado com cerca de 25 mil ex-alunos da Harvard Business School e publicado na Harvard Business Review.
 
por Beatriz Lorente no Hypeness

Outubro Rosa alerta para o diagnóstico precoce do câncer de mama

O SUS garante a oferta, gratuita, de exame de mamografia para as mulheres brasileiras em todas as faixas etárias

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil. Depois do câncer de pele não melanoma, responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Para estimular a detecção precoce da doença e conscientizar a população, começa, neste mês, a campanha Outubro Rosa. Neste ano, a ação terá como tema "Câncer de mama: vamos falar sobre isso?".

#TambémÉViolência: 3 em cada 5 mulheres são vítimas de relacionamento abusivo


Campanha criada pela ONG Artemis joga luz sobre violências silenciosas, que nem sempre deixam marcas visíveis, mas aprisionam milhões de mulheres no Brasil. Com ato nacional, feministas pretendem exigir dos tribunais o reconhecimento de denúncias de agressões psicológicas e morais.

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Alemanha proíbe sexo com prostitutas sem preservativo

 
A Alemanha aprovou na última sexta-feira uma lei que torna ilegal o sexo sem preservativo com prostitutas.De acordo com o jornal britânico 'The Independent', o regulamento será agora enviado para o presidente Joachim Gauck. Caso este aprove, o diploma entra em vigor a 1 de julho de 2017.A lei tem como objectivo regulamentar a prostituição na Alemanha - que se tornou legal neste país em 2002, mas continua marcada pelo tráfico de pessoas e por abusos.

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

EQUIPE DA PASTORAL DISCUTE SOBRE GÊNERO E SEXUALIDADE


Como parte da agenda anual da Pastoral da Mulher, os espaços de formação continuada objetivam buscar uma reflexão sobre os diversos assuntos que permeiam o universo do público atendido e visam contribuir com o processo constante de aprendizagem dos profissionais.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Mulheres de Juazeiro vivenciam experiências de libertação durante retiro

 
Nos dias 14 e 15 de setembro, as mulheres do grupo de espiritualidade desfrutaram de uma nova experiência de fé em suas vidas.
 
 
 
A paz de uns dias de retiro ajuda a pensar com calma naquilo que é mais importante, longe das confusões e da correria diária. É um momento para refletir sobre as questões mais profundas de nossa existência: a felicidade, o projeto de vida, os sonhos, as tristezas e as esperanças. Nesse sentido, o retiro promovido pela Pastoral da Mulher, unidade Oblata em Juazeiro/BA, reuniu um grupo de mulheres que vinham na caminhada da espiritualidade durante este ano, aprofundando a fé à luz do tema "Jesus e as Mulheres: Uma Vida de Libertação".

OFICINA DE HABILIDADES DA PASTORAL DA MULHER DE JUAZEIRO REALIZA AÇÃO EM PARCERIA COM O CRAS ITABERABA.



Na última segunda feira (26/09), as mulheres que participam da oficina de cabeleireiros compartilharam de um momento de grande aprendizagem. O grupo, que iniciou no mês de agosto, realizou um mutirão de cortes de cabelos com o público do Centro de Referência de Assistência Social do bairro Itaberaba, sob a supervisão da monitora Miriam Vitória.

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

A vida das trabalhadoras sexuais na maior favela do mundo

Kahfee, de 41 anos, trabalha como prostituta desde os 19. Ela não faz ideia de quem são os pais de seus filhos. Foto: Edu Martins/ VICE Brasil
 
Kibera, que você já viu no filme O Jardineiro Fiel, é um imenso pedaço de terra sem saneamento e outros direitos básicos que, mesmo assim, reúne gente que espalha por 15 grandes comunidades em Nairóbi, a capital do Quênia. Ocupada por soldados núbios na década de 1910, Kibera significa "floresta" – o que de fato era antes de se tornar, ao longo de um século, na maior favela do mundo.
 

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Pare de querer consertar os homens com quem você se relaciona

 
É, amor, eu sei que você é tão viciada nisso quanto eu. Mas não se iluda, não.
 
Por Débora Nisenbaum, do Medium 
 
Você não vai transformar esse cara através da onipotência do seu amor.
 
Ele não vai mudar e se tornar uma pessoa carinhosa, cativante e cheia de vontade de criar um futuro contigo se agora ele já não é.
 
Sabe por que? Porque isso vem de dentro. E se não está dentro, não vem de fora.

14 sinais de que você é vitima de abuso psicológico – o Gaslighting


VOCÊ SÓ PODE ESTAR LOUCA, ISSO NUNCA ACONTECEU
 CUIDADO, VOCÊ ESTÁ DESCONTROLADA
 ISSO É COISA DA SUA CABEÇA

Se o seu companheiro fala com frequência uma dessas frases ou coisas semelhantes, se você duvida da sua percepção diante dos fatos e da sua sanidade mental, cuidado, você pode estar sendo vítima de abuso emocional, também conhecido como gaslighting.
 
por Fernanda Vicente no Ondda

Um em cada três brasileiros culpa mulheres em casos de estupro, diz Datafolha

estupro

Um em cada três brasileiros acredita que, nos casos de estupro, a culpa é da mulher, de acordo com pesquisa Datafolha encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) e divulgada nesta quarta-feira (21).
 
Segundo o levantamento, entre os homens o pensamento ainda é mais comum: 42% deles dizem que a violência sexual acontece porque a mulher não se dá ao respeito ou usa roupas provocativas. A culpabilização da vítima também acontece entre as mulheres, que são as que mais sofrem com o crime: 32% concordam com a afirmação.

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Rota migratória intensifica máfia da prostituição na Itália

Tráfico de nigerianas, denunciado há ao menos três décadas na Europa, dobrou de 2015 para 2016

A nigeriana Isoke Aikpitanyi, de 38 anos, chegou à Itália com a perspectiva de trabalhar. Acabou numa rede de prostituição, explorada pelas máfias italiana e nigeriana. Foi humilhada, violentada por traficantes e obrigada a trabalhar nas ruas de Turim por 10 euros o programa.

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

20 propagandas do início do século XX que mostram como era “perigoso” o direito das mulheres

 

Estes cartão velhos do início do século XX foram usados como propaganda por homens que queriam impedir que as mulheres tivessem mais direitos. Embora elas fizessem campanhas incansavelmente para mudarem seus status naqueles dias, muitos homens discordaram que as mulheres tinham mais direitos e até mesmo as consideravam perigosas.

Japonesa forçada a prostituição ‘esteve’ com 1,3 mil homens em 8 meses


Uma mulher, de 29 anos, disse à Polícia Metropolitana de Tóquio que foi forçada por uma “amiga” a se prostituir em Tóquio e na província vizinha de Shizuoka, entre outubro do ano passado e junho deste ano, período que afirma ter “dormido” com aproximadamente 1,3 mil homens, informou ontem (2) o jornal ‘Sankei’.

Mercado da prostituição sofre queda de até 50% em Belo Horizonte

Perfil. Com faturamento menor, prostitutas ocupam trecho maior da avenida Afonso Pena em busca de clientes
 
Mulheres e donos de estabelecimentos especializados reclamam que crise derrubou demanda de clientes.
 
No sobe e desce de um hotel da rua Guaicurus, no centro de Belo Horizonte, a movimentação é grande. Mas já eram quase 19h de uma quinta-feira, e, a duas horas do fechamento da casa, Fran (nome fictício), 23, ainda tentava arranjar o seu primeiro programa do dia. Solteira e mãe de um menino de 3 anos, a loira entrou para o mundo da prostituição após perder o emprego em uma loja de roupas no início deste ano. Mesmo depois da mudança radical de vida, no entanto, ela continua enfrentando dificuldades financeiras.

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Diocese de Juazeiro realiza Grito dos Excluídos e abre desfile de 7 de setembro


“Este sistema é insuportável: exclui, degrada, mata!” é lema da 22ª edição do Grito dos Excluídos, que tem como tema “Vida em primeiro lugar”. A mobilização, com auge em 7 de Setembro, dia da Independência do Brasil, questiona e denuncia as várias formas de desigualdades do país, apontando qual o real papel do Estado diante das exclusões.

Jovens de 19 anos desaparecem e são encontradas mortas em Petrolina

Corpos foram achados pelo tio de uma das vítimas (Foto: Aracelly Romão / TV Grande Rio)
 
Duas jovens, de 19 anos, que estavam desaparecidas desde o início da manhã desta segunda-feira (5), foram encontradas mortas. Os corpos foram localizados pelo tio de uma das vítimas, no Distrito Industrial, Zona Oeste de Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Resistência a antibióticos faz OMS recomendar novos tratamentos para infecções sexuais

Organização Mundial de Saúde afirma que clamídia, gonorreia e sífilis estão "cada vez mais difíceis de tratar"

Resistência a antibióticos faz OMS recomendar novos tratamentos para infecções sexuais Ministério da Saúde/Divulgação
Uso indevido ou excessivo de antibióticos reduz o efeito no tratamento  de doenças Foto: Ministério da Saúde / Divulgação
 
A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomendou na terça-feira novos tratamentos adaptados para infecções de transmissão sexual (ITS) comuns, ante a "ameaça crescente" da resistência aos antibióticos. Em um comunicado publicado em Genebra, a OMS se referiu especificamente a clamídia, gonorreia e sífilis, que em geral são curadas com antibióticos mas são "cada vez mais difíceis de tratar", porque alguns desses medicamentos perdem eficácia "pelo uso indevido ou excessivo".

Imagens mostram vida dentro de bordel em um dos países mais pobres do mundo

Kajol e um cliente. Ela acha que tem 17 anos, mas não sabe ao certo qual é a sua idade. Foi casada durante 9 anos e tem um filho de 6 meses. Sua tia a vendeu ao bordel e ela foi obrigada a retomar a rotina de clientes quando seu bebê tinha apenas duas semanas (Sandra Hoyn).
 
Bangladesh é um dos países mais pobres do mundo. Sua população, de cerca de 157 milhões de pessoas segundo dados do Banco Mundial, vive em condições muito precárias, e uma parte importante dela (mais de 30%) vive abaixo da linha da pobreza.
 

Sumiço de menina em Nova Lima pode estar ligado ao tráfico de mulheres


Ana Paula de Carvalho Lopes, de 15 anos, desaparecida. Escritório que defende família de Ana Paula promete recompensa para quem encontrá-la
 
Suspeita é levantada pelo advogado da família da adolescente; escritório de advocacia oferece recompensa para quem encontrar Ana Paula, que está desaparecida há mais de dois meses.

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Diocese inicia Novenário e Festa da Padroeira em Juazeiro BA


Com o tema “Maria Mãe da Misericórdia”, foi lançada oficialmente, a programação da Festa da Padroeira de Juazeiro, Nossa Senhora das Grotas, no Auditório Papa Francisco localizado na Casa Paroquial da Catedral-Santuário.
 
Há 310 anos, a tradição na Diocese de Juazeiro tem levado os fiéis a demostrarem o seu amor e devoção à imagem encontrada por um índio às margens do Rio São Francisco no ano de 1706. A abertura do novenário acontece no dia 30 de agosto e segue em preparação para a festa do dia 8 de setembro.

No dia 7 de setembro, logo após a missa às 21h, haverá uma carreata de envio da imagem de N. Sra. das Grotas para a Igreja Matriz da Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus no bairro: Piranga, em Juazeiro, de onde a santa sairá no dia 8 de setembro às 17h. 

 
Esse ano também acontece a celebração especial voltada para os 13 anos de bispado do bispo Dom José Geraldo da Cruz e a passagem de pastoreio à Dom Carlos Alberto, que é bispo coadjutor da Diocese. A cerimônia acontece durante missa campal no último dia de novena, na Praça da Catedral.

“Vamos aguardar, pois acreditamos que o Papa Francisco deve assinar a demissão até sete de setembro”, disse Dom José Geraldo, que ressaltou ainda os serviços dedicados ao plano pastoral da Diocese.
 
“Não digamos que será um legado, mas continuarei ajudando no serviço da diocese como bispo emérito, vou permanecer em Juazeiro, acreditando que a missão deve continuar para o andamento do projeto do reino de Deus”, acrescenta Dom José Geraldo.

O vigário geral de Diocese de Juazeiro, Padre Josemar Mota ressalta que o objetivo da festa é “refletir sobre a misericórdia divina, que nos foi revelada em Jesus de Nazaré, quando nos mostrou que o caminho para estarmos em comunhão com Deus – Pai é o caminho da compaixão para com os irmãos. Desejamos ser uma igreja misericordiosa, samaritana, comprometida com a vida, estendendo as mãos aos irmãos, principalmente os pobres e sofredores”, frisa Josemar Mota.

Fonte: http://www.odiariodaregiao.com/novenario-e-festa-da-padroeira-de-juazeiro-sao-lancados-oficialmente-na-diocese/