Programação Completa do II Seminário "Vida Fácil?"



Marcado para os próximos dias 30 e 31 de agosto, no auditório da Universidade do Estado da Bahia – Uneb, o II Seminário “Vida Fácil? - A realidade das mulheres em situação de prostituição em Juazeiro” divulga a programação completa do evento, que contará, inclusive, com palestrante vinda de São Paulo/SP.

Além das palestras, debates e apresentação da pesquisa que traça o perfil social e econômico das mulheres em situação de prostituição em Juazeiro, o seminário terá seu momento marcante com os depoimentos de mulheres que são assistidas pelas Unidades Oblatas de Juazeiro/BA, Salvador/BA e Belo Horizonte/MG, que relatarão a realidade da prostituição em suas regiões e respondendo, numa "Mesa Redonda", a questão, tema do seminário: “Vida Fácil?”

O evento, que é uma realização da Pastoral da Mulher de Juazeiro, terá abertura na sexta-feira (30), a partir das 19h e contém a seguinte programação:

Dia 30 de Agosto de 2013

19:00h – Abertura
19:10h – Apresentação do Cordel "História da Pastoral da Mulher"
19:30h - Composição da Mesa
19:35h – Leitura da “Carta Denúncia, aberta a sociedade em geral” – Fernanda Lins – Assistente Social, Coordenadora da Pastoral da Mulher de Juazeiro.
19:50h - Palestra: "A Feminização da Pobreza" – Louraine Carvalho - Educadora Social do Projeto Força Feminina – Salvador/BA.
20:40h - Palestra: “Cuidado com Mulheres em Situação de Prostituição: Processos pedagógicos e transformação social” – Fernanda Priscila Alves da Silva – Teóloga, Mestre em Teologia pela Faculdade Superior de Teologia - EST. Coordenadora do Projeto Força Fermina em Salvador.
21:30h – Debate
22:10h – Encerramento

Dia 31 de Agosto de 2013

Manhã
08:15h - Abertura
08:25h - Peça Teatral "O Cabaré das Donzelas Inocentes"
08:40h - Palestra: “A Regulamentação da Prostituição” - Roseli Consoli do Prado (São Paulo/SP) - Assistente Social, Irmã Oblata do Santíssimo Redentor e Integrante da Rede Um Grito pela Vida.
09:40h - Debate
10:10h – Coffe Break
10:30h – Palestra: Tráfico de Pessoas para Fins de Exploração Sexual - Jaqueline Leite – Coordenadora do Centro Humanitário de Apoio à Mulher (CHAME)
11:30h – Debate
12:00h – Intervalo para Almoço

Tarde
13:30h - Apresentação da Pesquisa: “Diagnóstico das Mulheres em Situação de Prostituição na Cidade de Juazeiro-BA - Edonilce Barros (Professora Doutora da Universidade do Estado da Bahia - UNEB)  - Juazeiro/BA
14:30h - Debate
14:50h- Mesa Redonda: “Vida Fácil? Relatos de Mulheres envolvidas no contexto de Prostituição” - Mulheres assistidas pelas Unidades de Juazeiro/BA, Salvador/BA e Belo Horizonte/MG).
16:20h - Debate
17:00h- Encerramento e Coffe Break

Para maiores informações e inscrições, os interessados em participar do II Seminário podem acessarwww.pastoraldamulherdejuazeiro.com.br ou ligar para (74) 8824.7324.

Prezada Produção de Jornalismo da TV Grande Rio, meu apreço por todos e todas.

Realidade das mulheres em situação de prostituição em Juazeiro é tema de Seminário



Como parte comemorativa aos 35 Anos de atividades com mulheres em situação de prostituição, a Pastoral da Mulher de Juazeiro realiza nos próximos dias 30 e 31 de agosto, o “II Seminário Vida Fácil? – A realidade das mulheres em situação de prostituição em Juazeiro”, no auditório da Universidade do Estado da Bahia – Uneb.
A nova realização deste evento, que teve a sua primeira edição em 2008, é resultado de uma nova pesquisa realizada pela Pastoral da Mulher, que promoveu um diagnóstico sobre as mulheres em situação de prostituição na cidade de Juazeiro.
De acordo com Fernanda Lins, Assistente Social – Coordenadora da Pastoral, “a pesquisa propôs-se a adentrar o universo da prostituição com o objetivo de atualizar o diagnóstico realizado em 2007 pela Pastoral e aprofundar o perfil social e econômico das mulheres em situação de prostituição, tendo em vista que esta realidade é bastante dinâmica.
O seminário acontecerá em momentos distintos e terá palestras com os seguintes temas: A Feminização da Pobreza; Regulamentação da Prostituição (Projeto de Lei do deputado Jean Wyllys); Tráfico de Pessoas para Fins de exploração sexual; além de Mesa Redonda sobre o “Contexto da prostituição” e por fim a apresentação da Pesquisa: “Diagnóstico das mulheres em situação de prostituição na cidade de Juazeiro-BA", realizada pela Pastoral da Mulher.
Para mais informações, os interessados deverão acessar o blog www.pastoraldamulherdejuazeiro.com.br e entrar em contato com a Pastoral.

Fonte: Mário Pires/AssCom

Após show cancelado, New Hit se apresenta às escondidas em Juazeiro

Após ter show cancelado e ser substituída em evento em Juazeiro, a banda New Hit driblou tanto a imprensa quanto os manifestantes do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher e se apresentou na festa Pagofunk, na última sexta-feira (02), no Country Clube.

Ao lado das bandas Play Way, La Fúria, Hashtag e Baianinhas do Funk, o grupo liderado por Dudu Martins trouxe à região o repertório do novo CD, intitulado 'Evolution', e foi uma espécie de estratégia surpresa do evento, em virtude dos protestos contra sua vinda ao Vale do São Francisco, já que nove integrantes, entre eles o próprio vocalista, foram acusados de estuprar duas fãs dentro do ônibus da banda, numa festa na cidade de Ruy Barbosa/BA, e estão aguardando o julgamento marcado para o mês de setembro.

Prefeitura de Juazeiro realiza ações em prol do Dia Municipal de Combate a Violência contra Mulher

 
A Secretaria da Saúde de Juazeiro (SESAU) realiza nesta quarta-feira, 07, Dia Municipal de Combate a Violência contra a Mulher, várias atividades educativas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), em associações e na Maternidade Municipal. O evento no auditório da Maternidade será às 15h e direcionado as gestantes, parturientes e acompanhantes, durante a décima atividade do projeto “A Gestante e o Bebê: e os nossos direitos?”.
 
O tema “Valorizando a mulher em sua integralidade” será discutido com todas as mulheres internadas na unidade hospitalar, além da participação da equipe do Núcleo de Educação e Comunicação em Saúde (NECOM), que realizará dinâmicas e peça teatral abordando o assunto. O evento será realizado em consideração a Lei Municipal nº. 2340/2013, que cria o Calendário Oficial para o Dia Municipal de Combate a Violência contra a Mulher, a ser comemorado na mesma data da criação da Lei Maria da Penha.
 
Outras ações durante a semana:
 
Dia 07/08 - Centro Comunitário São José, bairro Tabuleiro, às 9h, com café da manhã e palestras com os profissionais da Pastoral da Mulher, atividades educativas promovidas pelos agentes comunitários de saúde e sorteio de brindes.
Dia 09/08 – Atividade sobre o tema na UBS do bairro Argemiro, 8h.